Pular para o conteúdo

Polícia & Bombeiros

- Monte Santo de Minas

Monte Santo de Minas: Furto à estação de água compromete abastecimento em Milagres: suspeitos capturados

5 de maio de 2024

 

Veja a matéria acima em vídeo

A loja ABC da Construção possui as melhores ofertas e promoções semanais para construir ou reformar. São diversos itens com preços acessíveis, para deixar qualquer ambiente mais sofisticado. ABC da construção fica na Av. Ver. Nelson Elias, 1355 na entrada de Guaxupé, no Japy. Tel/whats (35)3406-2497.

Na tarde de sexta-feira (03/05), a Polícia Militar foi alertada pela operadora de monitoramento da estação de captação de água da Copasa, localizada no Distrito de Milagres, pertencente a Monte Santo de Minas, Minas Gerais. Três indivíduos foram avistados cortando à cerca do Sítio Lageado, aparentemente com a intenção de furtar equipamentos da empresa. Não é a primeira vez que esse local é alvo de crimes dessa natureza.
Conhecendo as rotas de fuga usadas em incidentes anteriores, a polícia iniciou um rastreamento que resultou na captura de dois suspeitos, ambos moradores do Distrito de Milagres e infelizmente, um terceiro conseguiu escapar.
Após confrontar as imagens do crime com as características físicas dos suspeitos, sua participação foi confirmada. No local, foi constatado o arrombamento da cerca e a violação do maquinário da empresa, além do furto de cabos de energia.
Os suspeitos foram detidos em flagrante e submetidos a exames médicos antes de serem entregues às autoridades competentes. Este ato não apenas prejudicou o funcionamento da estação de água, afetando toda a comunidade de Milagres, mas também constituiu um ataque direto ao serviço público, conforme estabelecido na legislação vigente.
Os danos foram avaliados, e não havia previsão para o restabelecimento do serviço de água na região. Os autores foram informados de seus direitos e estão à disposição da justiça. Esse incidente destaca a importância da segurança em infraestruturas críticas e a urgência de medidas para proteger esses recursos vitais para a comunidade.
Na Delegacia de Polícia Civil, a prisão dos suspeitos foi ratificada pelo Senhor Delegado Vinicius Zamó. Eles serão responsabilizados pela prática de furto, com agravantes conforme estabelecido no Código Penal.

Foto: PMMG